Gênesis – Capítulo 46


1 Israel partiu com tudo o que lhe pertencia. Ao chegar a Berseba[148], ofereceu sacrifícios ao Deus de Isaque, seu pai.
2 E Deus falou a Israel por meio de uma visão noturna: “Jacó! Jacó!” “Eis-me aqui”, respondeu ele.
3 “Eu sou Deus, o Deus de seu pai”, disse ele. “Não tenha medo de descer ao Egito, porque lá farei de você uma grande nação.
4 Eu mesmo descerei ao Egito com você e certamente o trarei de volta. E a mão de José fechará os seus olhos.
5 Então Jacó partiu de Berseba. Os filhos de Israel levaram seu pai Jacó, seus filhos e as suas mulheres nas carruagens que o faraó tinha enviado.
6 Também levaram os seus rebanhos e os bens que tinham adquirido em Canaã. Assim Jacó foi para o Egito com toda a sua descendência.
7 Levou consigo para o Egito seus filhos, seus netos, suas filhas e suas netas, isto é, todos os seus descendentes.
8 Estes são os nomes dos israelitas, Jacó e seus descendentes, que foram para o Egito: Rúben, o filho mais velho de Jacó.
9 Estes foram os filhos de Rúben: Enoque, Palu, Hezrom e Carmi.
10 Estes foram os filhos de Simeão: Jemuel, Jamim, Oade, Jaquim, Zoare Saul, filho de uma cananéia.
11 Estes foram os filhos de Levi: Gérson, Coate e Merari.
12 Estes foram os filhos de Judá: Er, Onã, Selá, Perez e Zerá. Er e Onã morreram na terra de Canaã. Estes foram os filhos de Perez: Hezrom e Hamul.
13 Estes foram os filhos de Issacar: Tolá, Puá[149], Jasube[150] e Sinrom.
14 Estes foram os filhos de Zebulom: Serede, Elom e Jaleel.
15 Foram esses os filhos que Lia deu a Jacó em Padã-Arã[151], além de sua filha Diná. Seus descendentes eram ao todo trinta e três.
16 Estes foram os filhos de Gade: Zefom[152], Hagi, Suni, Esbom, Eri, Arodi e Areli.
17 Estes foram os filhos de Aser: Imna, Isvá, Isvi e Berias, e a irmã deles, Sera. Estes foram os filhos de Berias: Héber e Malquiel.
18 Foram esses os dezesseis descendentes que Zilpa, serva que Labão tinha dado à sua filha Lia, deu a Jacó.
19 Estes foram os filhos de Raquel, mulher de Jacó: José e Benjamim.
20 Azenate, filha de Potífera, sacerdote de Om[153], deu dois filhos a José no Egito: Manassés e Efraim.
21 Estes foram os filhos de Benjamim: Belá, Bequer, Asbel, Gera, Naamã, Eí, Rôs, Mupim, Hupim e Arde.
22 Foram esses os catorze descendentes que Raquel deu a Jacó.
23 O filho de Dã foi Husim.
24 Estes foram os filhos de Naftali: Jazeel, Guni, Jezer e Silém.
25 Foram esses os sete descendentes que Bila, serva que Labão tinha dado à sua filha Raquel, deu a Jacó.
26 Todos os que foram para o Egito com Jacó, todos os seus descendentes, sem contar as mulheres de seus filhos, totalizaram sessenta e seis pessoas.
27 Com mais os dois filhos[154] que nas­ceram a José no Egito, os membros da família de Jacó que foram para o Egito chegaram a setenta[155].
28 Ora, Jacó enviou Judá à sua frente a José, para saber como ir a Gósen. Quando lá chegaram,
29 José, de carruagem pronta, partiu para Gósen para encontrar-se com seu pai Israel. Assim que o viu, correu para abraçá-lo e, abraçado a ele, chorou longamente.
30 Israel disse a José: “Agora já posso morrer, pois vi o seu rosto e sei que você ainda está vivo”.
31 Então José disse aos seus irmãos e a toda a família de seu pai: Vou partir e informar ao faraó que os meus irmãos e toda a família de meu pai, que viviam em Canaã, vieram para cá.
32 Direi que os homens são pastores, cuidam de rebanhos, e trouxeram consigo suas ovelhas, seus bois e tudo quanto lhes pertence.
33 Quando o faraó mandar chamá-los e perguntar: “Em que vocês trabalham?”,
34 respondam-lhe assim: “Teus servos criam rebanhos desde pequenos, como o fizeram nossos antepassados”. Assim lhes será permitido habitar na região de Gósen, pois todos os pastores são desprezados pelos egípcios.

Share this:

SOBRE O AUTOR

Paulo Matheus Souza de Souza nasceu em 1989, na cidade Porto Alegre. É engenheiro civil e trabalha com pesquisa na área. Começou a escrever cedo, junto com os irmãos, primos e amigos. Juntos, eles fundaram uma “editora”, chamada Scott, onde o que mais faziam basicamente histórias em quadrinhos. Com o tempo, o autor passou a escrever histórias mais longas, algumas até hoje inacabadas. Em 2008 começou a escrever contos e crônicas neste blog pessoal.

0 comentários: